21.11.2017 / Moda / por

Os destaques que marcaram o desfile da Victoria's Secret na China

Victoria's Secret / Agência Fotosite
Victoria's Secret / Agência Fotosite

O mega desfile anual da Victoria’s Secret aconteceu em Shangai, na China. O evento contou com apresentações de Harry Styles, Miguel e da chinesa Jane Zhang, além da presença das super modelos, como Adriana Lima, Alessandra Ambrosio, Laís Ribeiro, Candice Swanepoel, Karlie Kloss, Lily Aldridge, Elsa Hosk, Jasmine Tookes, Taylor Hill, Martha Hunt. O desfile chamou atenção não apenas pela quantidade de mulheres bonitas na passarela, mas pelo fato de Gigi Hadid e Katy Perry terem sido impedidas de entrar na China e também por questionamentos se esse modelo ainda cabe no mundo hoje, em que tipos diversos de modelos – e não apenas o padrão “perfeito” dos castings da VS – têm aparecido com cada vez mais frequência em revistas e campanhas.

Veja abaixo os highlights do show:

Despedida de Alessandra


Após 18 anos na Victoria’s Secret, Alessandra Ambrósio fez sua despedida oficial do evento. No camarim, ela falou ao microfone rodeada pelas outras modelos e equipe da marca. “Vocês são as mais lindas, as mais fortes e poderosas. Amo vocês, vou sentir saudades de todas e estarei sempre torcendo por vocês”, disse. Ela vai agora se dedicar à carreira de atriz e já está confirmada no filme Daddy’s Home 2.

Tombo na passarela

A modelo chinesa Ming Xi levou um tombo na passarela ao tropeçar na cauda de sua roupa. Apesar do frio na barriga que ela deve ter sentido na hora, ela foi prontamente ajudada pela brasileira Gizele de Oliveira, que incentivou o público a aplaudir Ming Xi. Estreante no desfile da VS, Gizele marcou sua presença com um gesto bonito.

Fantasy Bra

Agência Fotosite
Agência Fotosite

Quem usou uma das principais peças de todo o desfile foi a piauiense Laís Ribeiro. O sutiã, avaliado em US$ 6.5 milhões, já é uma das tradições da coleção e um dos destaques do show. O modelo  ganhou o nome de Champagne Night Fantasy Bra e foi desenhado pela joalheria Mouawad, coberto de diamantes, safiras amarelas e topázio azul.

Barradas no baile

katy-perry

Gigi Hadid e Katy Perry, que cantaria no desfile, não conseguiram seus vistos para entrar na China. Um artigo do New York Post lembrou que Perry está indefinidamente proibida de entrar no país. Nas reds sociais, Gigi simplesmente escreveu: “estou muito triste de não poder estar na China neste ano. Amo minha família VS e estarei lá com minhas garotas em espírito”. Ela foi chamada de racista após sua irmã postar um vídeo no Instagram em que ela aperta os olhos em um gesto para imitar a forma de Buda de um cookie que ela mostrava na câmera. Muitos chineses se sentiram ofendidos com o gesto. Já Katie usou um vestido com girassóis em um show em Taiwan dois anos atrás. A China considera Tawain uma província separatista e o girassol se tornou um símbolo anti-China quando o Movimento Girassol começou em 2014 e estudantes protestaram contra negociações com a China e ocuparam o parlamento por quase um mês. E eles pediam para que a população comprasse girassóis para mostrar solidariedade. Além disso, a cantora ainda balançou a bandeira de Taiwan no show, o que causou uma grande repercussão na China, em que muitos a acusaram de apoiar a independência de Taiwan.

VS x Balmain

Agência Fotosite
Agência Fotosite

O desfile mostrou a coleção da VS em parceria com a Balmain. São 21 looks que trazem o espírito glam sexy army das criações de Olivier Rousteing para o universo da Victoria’s Secret. A coleção cápsula abriu o desfile. Em seguida vieram os momentos Porcelain Angel, Winter’s Tale, Millennial Nation, Goddesses e Nomadic Adventure, “uma viagem ao Brasil e à África, com cores ricas e trabalho de miçangas”, segundo contou Sophia Neophitou-Apostolou, diretora criativa da marca.

As brasileiras

Agência Fotosite
Agência Fotosite

Adriana Lima, Alessandra Ambrosio, Laís Ribeiro, Daniela Braga, Gizele de Oliveira, Barbara Fialho, Samile e Bruna Lírio = ♥


Relacionadas


Veja Também