27.03.2017 / Cultura / por

As luzes de neon e texturas do artista peruano Aldo Chaparro

Instalação do peruano Aldo Chaparro no hotel Amastan, em Paris ©Reprodução
Instalação do peruano Aldo Chaparro no hotel Amastan, em Paris ©Reprodução

Nascido no Peru e vivendo entre Nova York e Cidade do México, o escultor e artista plástico Aldo Chaparro chama atenção por seu trabalho de formas quase sempre abstratas e construções impecáveis.

Em sua mais recente mostra em Paris, Spider Web, ele colabora com a plataforma artística sueca PEANA. Emaranhados de fios neon e grandes peças em metal propositalmente retorcidas trazem uma dose de surrealidade à instalação.

O artista Aldo Chaparro ©Reprodução
O artista Aldo Chaparro ©Reprodução

Em entrevista à revista Yatzer, Aldo conta que a luz é peça fundamental em seus trabalhos, explicando o destaque para o neon: “A luz é um elemento tão poderoso que afeta nossa percepção de espaço, até mesmo emocionalmente”. Uma única lâmpada pode preencher um espaço e até mesmo ter um papel escultural”.

Sobre suas referências, Aldo consegue citar as mais variadas, sem perder o foco e a beleza da obra final: “Tenho muito interesse na Polinésia, na arte africana, assim como nas civilizações Maia e Asteca. Na verdade, nasci no Peru e morei em frente a uma pirâmide pré-colombiana. Tenho certeza de que isso afetou minha percepção de volume e espaço para sempre”, diz.

Confira na galeria as obras de Aldo Chaparro atualmente expostas no hotel Amastan, em Paris:


Relacionados


Veja Também

Assine a newsletter do FFW

Seja o primeiro a ter acesso a conteúdos exclusivos. Nós chegaremos ao seu email semanalmente quando tivermos algo realmente cool e relevante para dividir.

×