FFW
newsletter
RECEBA NOSSO CONTEÚDO DIRETO NO SEU EMAIL

    Não, obrigado
    Aceitando você concorda com os termos de uso e nossa política de privacidade

    Para além da quadra: a moda do US Open

    Como a nova geração de atletas tem se apropriado da moda no tênis 

     

    Para além da quadra: a moda do US Open

    Como a nova geração de atletas tem se apropriado da moda no tênis 

     

    POR Vinicius Alencar

    Por William Cerqueira (@bloke.br).

    No dia 10 de setembro terminou o US Open, com a final individual masculina  entre Novak Djokovic e Daniil Medvedev, sendo uma das principais e mais  tradicionais competições de tênis em todo mundo, sendo disputado desde 1881.  A competição que começou em 22 de agosto foi bem agitada e trouxe um saldo  positivo além dos duelos em quadra.

    O cenário do tênis sempre foi muito aberto a moda, desde René Lacoste a  Serena Williams, o que não é algo diferente com os atletas da nova geração  como Alcaraz, Tiafoe e Shelton trazendo de volta as regatas com um design exclusivo para o US Open – as camisas do Carlos Alcaraz e Frances Tiafoe  chamaram atenção pelos padrões coloridos trabalhados pela Nike, as cores  remetem às usadas no início dos anos 2000 por Rafael Nadal. Ben Shelton  também inovou com uma regata em duas cores da On, que expandiu seus  produtos para o tênis recentemente. 

    Outro nome é Jannik Sinner, que também roubou a cena com sua bolsa da Gucci, vale lembrar que o  tenista italiano já havia virado manchete quando usou uma bolsa da marca de  luxo em Wimbledon (no US Open a marca italiana havia criado um modelo especial  feita exclusivamente para Sinner, contou com detalhes em azul e amarelo, incluindo as alças da bolsa  com o nome do atleta estampado). 

    Fazendo o uso de tons de rosa, a vice-campeã do feminino individual Aryna  Sabalenka usou um vestido e tênis que foram produzidos pela Nike, trabalhando  um design exclusivo para a atleta na competição. Ainda explorando a cor rosa,  as campeãs das duplas femininas Erin Routliffe e Gabriela Dabrowski usaram  nas finais uma combinação de branco e rosa que trouxe um ar de estilo à conquista das atletas.  

    A campeã individual feminina Coco Gauff, além do seu desempenho incrível na  competição, foi a grande protagonista do US Open 2023, com o título, Gauff aos  19 anos se tornou a tenista Americana mais jovem a ganhar o US Open desde  Serena Williams em 1999. Sendo uma das principais atletas da New Balance,  Coco tem sido uma aposta bem-sucedida em atrair o público adolescente para  o tênis, além do título inédito para Gauff, ela desfilou em quadra com um par que  leva sua assinatura, o New Balance Coco GC 1 – o design e estrutura do tênis é  inspirado no basquete, porém leva as cores das quadras e das bolas  usadas no tênis. 

    Também campeão individual Novak Djokovic usou uma blusa da Lacoste para  receber o troféu, o modelo contou com o número 24 bordado no peito em  referência ao seu vigésimo-quarto título de Grand Slam, o tenista sérvio já havia  usado o mesmo padrão em anos anteriores, quando o número 22 e 23 estamparam suas roupas em suas respectivas conquistas. Aproveitando o 

    número 24 que foi tema do seu vestuário durante a celebração, Djokovic prestou  homenagem a Kobe Bryant, que usou o número durante boa parte da carreira. 

    Sendo o último Grand Slam do ano, o US Open de 2023 foi recheado de  emoções, histórias, tendências e muito estilo, fazendo que toda a classe do  tradicional torneio fosse representada dentro das quadras pelos melhores  tenistas do mundo.

    Não deixe de ver
    A crise na Nike: queda brusca nas ações, demissões e críticas dos clientes
    Giorgio Armani: o legado e impacto do estilista italiano na história da moda
    Telfar e Libéria
    Cansado de Anos 2000? Se prepare para o retorno da Von Dutch!
    Lewis Hamilton usa jaqueta de 150 mil euros no GP da Inglaterra
    Anitta fala sobre o figurino da turnê Baile Funk Experience
    Reebok e Guadalupe se juntam em collab que homenageia barbearias bolivianas no Bom Retiro
    Tommy Jeans lança coleção com High, marca brasileira de streetwear
    Guia FFW do Garimpo: Designers e Grifes
    I Love Ozempic: marca desfila polêmica camiseta na Berlim Fashion Week
    FFW