FFW
newsletter
RECEBA NOSSO CONTEÚDO DIRETO NO SEU EMAIL

    Não, obrigado
    Aceitando você concorda com os termos de uso e nossa política de privacidade

    Karl Lagerfeld: Quem foi o Kaiser da moda?

    Conheça a história do designer que impactou a moda com seus trabalhos na Fendi e Chanel

    Karl Lagerfeld: Quem foi o Kaiser da moda?

    Conheça a história do designer que impactou a moda com seus trabalhos na Fendi e Chanel

    POR Gabriel Fusari

    A silhueta icônica com cabelo branco e rabo de cavalo, óculos escuros, luvas de couro e golas altíssimas o tornaram facilmente reconhecível de longe. Karl Lagerfeld: um ícone pop para além da moda. Tão pop que em 2014, até inspirou uma versão da Barbie, chamada de Barbie Lagerfeld.

    Nascido em Hamburgo, na Alemanha em 1933, Karl Lagerfeld iniciou sua carreira nos anos de 1950 como assistente de Pierre Balmain e depois se juntou à maison de Jean Patou. Embora tenha sido inicialmente criticado, com o tempo ele conquistou seu espaço e teve passagens marcantes pela Chloé e Fendi, onde foi diretor criativo por mais de 50 anos, trabalhando até seus últimos dias de vida.

    Mas foi na direção criativa da Chanel que ele se tornou um designer de fama internacional, a partir de 1983. Workaholic com orgulho, ele era responsável pelas linhas de acessórios, prêt-à-porter e alta costura, chegando a criar 17 coleções num mesmo ano. Karl atualizou a Chanel ao incorporar novos materiais e silhuetas mais contemporâneas mantendo a aura de elegância idealizada por Coco Chanel, tirando a marca do esquecimento e a transformando em objeto de desejo das novas gerações.

    Muito inspirado pela cultura pop, Karl sempre criou uma narrativa que se expandia para além das roupas em desfiles espetaculares, cenários grandiosos, campanhas publicitárias e branding. 

    Karl lançou ainda sua própria marca em 1984, com uma estética mais rocker que representava sua essência. Foi pioneiro nas colaborações com marcas de fast fashion Primeiro com a H&M, um enorme sucesso. E mais tarde com a brasileira Riachuelo.

    Apesar de suas indiscutíveis contribuições para a moda, Karl Lagerfeld era uma figura polêmica. Em uma entrevista, em 2010, ele atacou a cantora Adele dizendo que ela “um pouco gorda demais”. E para se desculpar, ele enviou inúmeras bolsas Chanel como presente. Ele chegou a emagrecer 40 kilos para caber nas roupas de Hedi Slimane para a Dior Homme e mais tarde lançaria um livro sobre sua dieta.

    Além do design de moda, Karl também se dedicou à fotografia realizando dezenas de campanhas para a Chanel e Fendi e lançando livros e exposições como  “The Little Black Jacket”, o qual retratou personalidades da moda, música e cinema usando a clássica jaqueta de tweet. Esse projeto o trouxe ao Brasil, em sua única passagem por aqui, em 2013.

    A premiada jornalista Robin Gihvan afirmou em 2012 que Karl Lagerfeld é superestimado deixando claro no texto que o trabalho de Karl é muito importante, mas que ele não é tudo isso: “Karl Lagerfeld, o gênio, virtuoso e mágico em qualquer campo, é a invenção mais elaborada da moda: um mito que engoliu o homem”.

    Karl faleceu em 2019, deixando um legado importante, que foi relembrado na exposição “A Line of Beauty”, no Museu de Arte Metropolitana de Nova Iorque em 2023.

     

     

    @ffwoficial Hoje acontece o #metgala e o homenageado da noite é #karllagerfeld. Designer a frente da Chanel e Fendi, ele revolucionou a historia da moda (mas também foi alvo de polemicas). O que você acha de Karl Lagerfeld? #fashiontiktok #modatiktok ♬ som original – FFW

    Não deixe de ver
    Osklen Red Edition: conversarmos com Oskar Metsavaht sobre moda atual, sustentabilidade e futuro
    Ugly chic: o que significa?
    Timothée Chalamet estrela nova campanha cinematográfica da Chanel
    New Balance celebra Grey Days em maio
    Greta Gerwig veste Maison Margiela em Cannes e é criticada nas redes
    Uniqlo anuncia lançamento de fast fashion nos EUA
    Grupo Arezzo&Co faz evento de lançamento de novas coleções em São Paulo
    A camisa polo foi atualizada e ganha uma cara nova em 2024
    Essas 5 marcas esnobaram Zendaya no tapete vermelho, saiba quais são elas
    Gucci traz de volta o Boho chic em coleção de resort 2025
    FFW