10.05.2017 / Cinema / por

Kate e Laura Mulleavy, da Rodarte, divulgam trailer do seu primeiro filme, Woodshock, com Kirsten Dunst

Kirsten Dunst em cena de Woodshock, debut de Kate e Laura Mulleavy como diretoras e roteiristas de cinema ©Reprodução
Kirsten Dunst em cena de Woodshock, debut de Kate e Laura Mulleavy como diretoras e roteiristas de cinema ©Reprodução

Não era segredo que Kate e Laura Mulleavy, fundadoras e designers da Rodarte, estavam rodando um filme com a atriz Kirsten Dunst. Dois anos atrás elas divulgaram que iam dirigir um roteiro autoral que vinham escrevendo há anos, mas o projeto era tão misterioso que a chegada do trailer lindo de Woodshock pegou muita gente de surpresa. Meio horror de arte, meio etéreo, o trailer parece ecoar o universo romântico-onírico-sombrio das roupas da Rodarte.

Rodarte <3 cinema

É verdade que cinema sempre foi uma inspiração para as irmãs e que o trabalho delas na moda é muitas vezes construído em torno de uma narrativa. A Rodarte em si, nasceu em seguida de um período sabático em que as duas passaram um ano assistindo a filmes japoneses de terror na casa de visita dos pais, em Pasadena, na Califórnia, e, então, com apenas 10 peças, ganharam a moda como parte do Vogue Fashion Fund, em 2005. Elas não fazem apenas roupas, mas traduzem ideias e histórias em objetos de vestir.

Backstage Inverno 09 ©Reprodução
Backstage Inverno 09 ©Reprodução

O Inverno 09 carregou um pouco dessa estética gore-slasher de filmes de horror japoneses; o Verão 17 tem como uma de suas referências o filme espanhol O Espírito da Colmeia; Os Garotos Perdidos, um dos filmes prediletos da dupla, foi a inspiração para o Inverno 14; e, claro, quem pode se esquecer do Inverno 15, todo enredado pelo universo da saga Star Wars, com direito a vestidos estampados com personagens? Elas ainda assinaram o figurino do filme Cisne Negro, de Darren Aronofsky, em 2010, e produziram fashion films lindos para a marca em parceria com o fotógrafo/diretor Todd Cole. Parece natural, então, que Kate e Laura sigam os passos pioneiros de Tom Ford ao se arriscarem no cinema. O que distingue a Rodarte como label de roupas americana é justamente o que faz a gente acreditar que o debut de suas fundadoras na tela grande seja uma empreitada sólida. “É a maneira romântica e conceitual com a qual abordamos inspiração e narrativa e como enxergamos o mundo, paisagens, arte, filmes, poesia, música”, contou Kate à Vogue, sobre o que torna a Rodarte especial, em entrevista de 2016.

woodshock

A trama

Woodshock foi anunciado como uma exploração hipnótica de isolamento, paranoia e sofrimento que existe num mundo de sonhos. A história gira em torno de uma jovem mulher, Theresa (Dunst), num estado de declínio mental e emocional devido a uma perda profunda, dividida entre seu estado frágil e os efeitos desorientadores de uma potente droga cabinóide. Trippy? Trippy! Mas também “imersivo, mágico e sublime”, segundo a A24, distribuidora do filme nos EUA. Esse, aliás, é o estúdio responsável por alguns super hits independentes como Moonlight – Sob a Luz do Luar, o sci-fi Ex-Machina e A Bruxa, horror produzido pela brasileira RT Features – com uma cena final que lembra bem o pôster de Woodshock, diga-se de passagem. E o respaldo de um estúdio indie powerhouse como esse é quase que um selo de aprovação para o debut das Mulleavy no cinema. A estreia está marcada para 15 de setembro nos EUA, mas o nosso palpite é que o filme deve fazer sua avant-première mundial no Festival de Veneza, no início de setembro.

Jack Kilmer em cena de Woodshock ©Reprodução
Kirsten Dunst e Jack Kilmer em cenas de Woodshock ©Reprodução

O elenco

Amiga de longa data de Kate e Laura, Kirsten Dunst encabeça o papel principal e é produtora executiva de Woodshock. Apesar de ter estrelado grandes blockbusters como a franquia Homem-Aranha, é no cinema independente que Dunst encontrou seu lugar. Levou o prêmio de Melhor Atriz em Cannes, em 2011, por Melancolia (sentimos vibes desse filme no trailer também) e neste ano estrela também O Estranho Que Nós Amamos, seu terceiro longa com Sofia Coppola, e começa a rodar On Becoming a God in Central Florida, série dirigida pelo grego Yorgos Lanthimos (O Lagosta). Ainda no elenco, o dinamarquês Pilou Asbæk (o Euron Greyjoy, de Game of Thrones), o jovem britânico Joe Cole, a filha de Richard Linklater, Lorelei Linklater (Boyhood) e Jack Kilmer, filho de Val Kilmer e astro indie em ascensão com seis outros projetos a caminho (incluindo a volta de Jonas Åkerlund à direção de longa-metragem).

California girls

Nascidas no norte do estado, em Santa Cruz, Kate e Laura também não escondem a importância da Califórnia na construção estética das suas coleções. O calçadão de Santa Cruz acrescentou inspiração ao Inverno 14 e a floresta do parque nacional Muir Woods inspirou o Verão 2006 e 11 da marca, por exemplo. O interesse da dupla por essas paisagens puras e místicas da Califórnia reverbera em Woodshock já no título, obviamente, e também em cenas meio a bosques, praias e lagos – tudo meio idílico e assombroso, uma coisa meio Tarkovsky dark. As ruas vazias do subúrbio em que vivem hoje, em Pasadena, ao sul, também devem ser reverenciadas no longa, todo rodado em Eureka, cidade na região florestal do Redwood Empire, ao norte de São Francisco.

©Reprodução
©Reprodução

O figurino

Sim, Kate e Laura assinam também o figurino de Woodshock, em parceria com a figurinista Christie Wittenborn, responsável pelos looks dos filmes de Miranda July e da série Ray Donovan. Apesar de terem rodado o filme enquanto preparavam coleções da Rodarte, elas garantem que não estão fazendo um filme para vender roupas. “São coisas totalmente separadas”, explicaram no ano passado.

Relembre abaixo dois fashion films da Rodarte.

The Curve of Forgotten Things, estrelado por Elle Fanning.

This Must be the Only Fantasy, dirigido por Todd Cole.

 


Relacionadas


Veja Também

Assine a newsletter do FFW

Seja o primeiro a ter acesso a conteúdos exclusivos. Nós chegaremos ao seu email semanalmente quando tivermos algo realmente cool e relevante para dividir.

×