Christopher Bailey não é mais o CEO da Burberry

Christopher Bailey entrega o cargo de CEO da Burberry, mas continua à frente da direção criativa ©Reprodução
Christopher Bailey entrega o cargo de CEO da Burberry, mas continua à frente da direção criativa ©Reprodução

Nome por trás do sucesso da Burberry e uma das figuras importantes da moda mundial, Christopher Bailey abdicou do cargo que havia acumulado em 2013, quando substituiu Angela Ahrendts como CEO da marca britânica. Na época, o fato de Bailey estar à frente da criação e das operações da Burberry deixou alguns investidores descontentes.

Com o corte de gastos na faixa das £100 milhões anunciado por ele próprio, Bailey entregou o cargo de operações e administração da marca por vontade própria. Em seu lugar foi anunciado Marco Gobbetti, que atualmente trabalha como executivo da Céline e começa na Burberry no início de 2017. Conhecido por ser vaidoso na empresa, Bailey não perdeu a oportunidade de criar outro cargo para si próprio: ele passa a ser presidente da marca, mas ainda assim responde para John Peace, principal executivo da empresa.

Na época em que foi eleito CEO da marca, além do descontentamento causado aos investidores, Christopher também resolveu aumentar seu próprio salário, que passou a ser um dos maiores na indústria da moda, girando na casa das £25 milhões de libras por ano.

Ele segue no comando criativo da Burberry, dando continuidade a uma das direções mais aplaudidas do cenário da moda internacional.

 


Relacionadas


Veja Também

Assine a newsletter do FFW

Seja o primeiro a ter acesso a conteúdos exclusivos. Nós chegaremos ao seu email semanalmente quando tivermos algo realmente cool e relevante para dividir.

×