Just Kids surge do encontro entre Karen Fuke e Ju Jabour com lançamento no SPFW

Mood board da Just Kids ©Cortesia
Mood board da Just Kids ©Cortesia

Era uma vez duas estilistas, Karen e Juliana. Elas trabalharam juntas em uma grande empresa em 2001, mas optaram por caminhos diferentes. Karen ficou na empresa (a Triton) até que virou diretora criativa e era aparada por uma grande estrutura. Juliana seguiu solo e abriu sua própria marca, lidando sozinha com as dificuldades que um pequeno empresário enfrenta.

Um belo dia, Karen deixou de acreditar no modelo de negócio ao qual estava subordinada. Mudanças na fábrica, na própria indústria da moda e no país resultaram em seu desligamento da Triton e, o que poderia ser motivo de tristeza, se transformou em exercício de liberdade.

Paralelamente, mantinha contato com sua amiga antiga e nunca esquecia o quanto ela falava: “você tem que abrir seu próprio negócio!”. Até que esse dia chegou, meio que sem avisar.

Mal sabia Karen que Juliana também tinha outras vontades e achou nela a parceira ideal para uma nova empreitada: uma marca só de moletons unissex, feita com a ajuda de amigos queridos, em um formato mais aberto, verdadeiro e… sem chefes ou regras consolidadas.

– Ju, eu não quero ter um compromisso comercial, avisou Karen.

– Não vamos fazer pensando que vai dar certo, que vai dar dinheiro, que vai ser um sucesso comercial, respondeu Ju.

– Me enchi um pouco disso e estou indo por um outro caminho. Não acredito mais na fórmula que está acontecendo dentro das marcas.

As palavras soaram como mágica aos ouvidos de Juliana:

– É isso. Uma coisa por amor, que a gente goste, que a gente viva, que seja um reflexo do nosso universo, um negócio pequeno.

E assim, sem levar muito à sério, surgiu a Just Kids, com as mesmas iniciais de Juliana e Karen e com a ideia de brincadeira e liberdade que elas querem viver e trabalhar.

Juliana tem três frentes de trabalho, entre marca própria e consultorias; Karen está envolvida numa loja online com o marido e tem duas filhas. Seus encontros acontecem sintonizados com a vida como ela é hoje: por Skype, email e zapzap. Apostando na sinergia, na intuição e numa nova liberdade, elas transformam um antigo sonho em realidade criando roupas que elas mesmas querem usar.

Acontece que o que era para ser apenas uma brincadeira entre duas amigas, foi tomando outras proporções com a entrada de mais personagens nessa história. Cris Resende, sócio de uma loja chamada Cartel 011, ofereceu seu espaço para o lançamento e como ponto de venda. Daniel Ueda, um menino muito bem visto e respeitado nas modas, topou fazer o styling do desfile.

Ops! Não falei antes? Desfile! A Just Kids está no calendário do *SPFW N42 TRANS. A primeira linha terá 10 ítens. Digo primeira porque – elas ainda não sabem – mas haverá outras.

E por hora termina essa história de um encontro que está apenas começando.

*De 23 a 28 de outubro.

Karen Fuke e Juliana Jabour ©Cortesia
Karen Fuke e Juliana Jabour ©Cortesia

Relacionadas


Veja Também

Assine a newsletter do FFW

Seja o primeiro a ter acesso a conteúdos exclusivos. Nós chegaremos ao seu email semanalmente quando tivermos algo realmente cool e relevante para dividir.

×