29.03.2016 / por

As tendências de beleza do Inverno 2016/17 internacional para começar a usar agora

Backstage do Inverno 2017 de Diane Von Furstenberg ©Agência Fotosite
Backstage do Inverno 2017 de Diane Von Furstenberg ©Agência Fotosite

As ruas tomaram conta dos cabelos das passarelas nesta temporada para o Inverno 2016/17. Se há uma grande mudança de tendência de beleza das últimas estações para cá, essa é a mais significativa. É verdade que no Verão 2016 do Hemisfério Norte, e no nosso próximo inverno, os cabelos já estavam menos escovados, mais bagunçados. Mas agora é oficial: foram liberadas as ondas, cachos, volumes naturais, frizz e cortes propositalmente “errados”com aquele efeito, mais do que francesa, de garotas rebeldes lindas do leste europeu. A influência vem do fenômeno Vetements na moda, de trazer a inspiração crua das ruas e torná-la luxuosa, porém sem perder seu DNA. Balenciaga, agora sob direção criativa de Demna Gvasalia, um dos criadores da Vetements, foi uma das marcas que mostraram o corte batizado de “new bob”, que pode ser considerado um “punk bob”. Não é nem mas o “messy bob”, mais longo na frente e desestruturado. Como definiu Guido Palau, a tendência desse corte mostra tudo o que “era considerado um erro, de um jeito que parece certo”. Céline, Rodarte e até Chanel deram exemplos desse novo punk bob na altura do queixo ou um pouco mais longo, geralmente com franja e com pedaços de cabelo claramente desconectados. Já o ondulado volumoso e o crespo foram vistos em modelos negras e brancas em inúmeros desfiles, de Diane Von Furstenberg com Karlie Kloss e outras num mood mais 70 arrumado à rebeldia natural da Louis Vuitton, com o cabelo crespo jogado de lado com volumão, o crespo loiro da Lanvin, o afro da Public School e Rag&Bone, os cachos da Suno.

Na maquiagem, escolhas marcantes, com muito brilho nos olhos e boca escura fazem um contraponto de glamour interessante com os cabelos mais naturais ao vento. O glitter aparece para fazer a alegria das exuberantes em várias cores, usado sem parcimônia nos olhos, da Burberry, Giambattista Valli a Marc Jacobs. O prata tem lugar especial no make dessa temporada, também com efeito metalizado nos olhos. A sombra azul, que já vinha se anunciando em outras estações, agora virou hit. E o batom superescuro, do vinho arroxeado ao preto é a principal novidade para os lábios, consagrada na Dior e vista em outras grifes importantes como Louis Vuitton, Rodarte, Puma by Rihanna e Marni. Vai ficar lindo com outra charmosa tendência, a de usar o iluminador no canto interno dos olhos bem marcado, como se fosse uma sombra localizada, recurso bonito na passarela da Stella McCartney e Courrèges.

Na galeria de fotos, confira essas tendências de beleza e inspire-se nas referências para usar as que mais gostou a partir de agora.

 


Relacionados


Veja Também

Assine a Newsletter do FFW

Receba semanalmente no
seu e-mail nossos conteúdos
especiais e exclusivos

×