23.09.2015 / Moda / por

Mochila vira o acessório da vez na moda: veja modelos de R$ 170 a R$ 12.500

Mochilas Rucksack no desfile do verão 2016 da Burberry, na última segunda (21/9)
Mochilas Rucksack no desfile do verão 2016 da Burberry, na última segunda (21/9)

Considerada bolsa de segunda categoria por muito tempo, só perdendo em prestígio para a polêmica pochete (que, aliás, está por aí em versões da Louis Vuitton, Gucci e Chanel, mas, definitivamente, não veio para ficar), a mochila recebeu tratamento especial de nove entre dez marcas de high fashion nesta temporada. Com algumas exceções menos interessantes, em que a peça mais parece uma bolsa de mão com duas alças atrás, o modelo em si não muda muito: a diferença é o material (o couro é a maneira mais eficaz de elevá-la a um outro patamar) e, principalmente, as estampas e acabamentos.  No último desfile da Burberry, nesta segunda (21), a marca inglesa apresentou uma mochila (batizada de Rucksack) feita de náilon com gabardine, o mesmo tecido de seu famoso trenchcoat, que pode ser customizada com as iniciais do nome do cliente bordadas (Cara Delevingne apareceu na mesma noite usando uma). Foi uma das peças mais comentadas da coleção.

Em alta, a influência do streetwear na moda é antiga, e desde que ele atravessou a rua e pisou na passarela, o high fashion nunca mais foi o mesmo. Fonte de inspiração do estilo das ruas no mundo das marcas de luxo, o hip hop empresta, desde o começo dos anos 80, seus principais códigos de estilo para as versões com design assinado de calças baggy, t-shirts, tênis de basquete, bonés, agasalhos esportivos. Na mesma época, os movimentos do surf e do skate na Califórnia faziam o mesmo. Em Londres, Vivienne Westwood radicalizava a relação da moda com o gueto e colocava o punk para sempre no mainstream fashion (uma outra cultura, mas também vinda das ruas).

Nos anos 2000, o streetwear ganhou a companhia do streetstyle, elevado ao status de influenciador do high fashion graças a registros de fotógrafos  como Scott Shchuman e seu blog The Sartorialist. A relação, aí, já era simbiótica, e as versões fashionistas do streetwear (não mais as roupas e acessórios originais, sem interferência de um designer de moda conhecido) eram usadas pelas pessoas comuns das ruas, cada vez menos comuns e mais produzidas para serem fotografadas. Num passado bem recente, as peças de streetwear hits da moda foram muitas: primeiro surgiu a febre da camiseta, com interpretações variadas, das intencionalmente surradas com o melhor dos algodões às bordadas e luxuosas. Depois chegou a vez do tênis, com direito até a versões couture, como os modelos da Dior e da Chanel desfilados há dois anos. Agora, o acessório do momento é a mochila.

Na galeria de fotos, veja as versões mais sofisticadas e preciosas da boa e velha mochila, assinadas por casas como Valentino, Saint Laurent, Givenchy, Stella McCartney e Comme des Garçons, com preços de joia que chegam a impressionantes R$ 12.570 e as opções bem mais modestas que têm algo desse espírito.

 

 


Relacionadas


Veja Também

Assine a Newsletter do FFW

Receba semanalmente no
seu e-mail nossos conteúdos
especiais e exclusivos

×