FFW
newsletter
RECEBA NOSSO CONTEÚDO DIRETO NO SEU EMAIL

    Não, obrigado
    Aceitando você concorda com os termos de uso e nossa política de privacidade
    A influência do vaporwave na MTV, no Tumblr e na moda
    A influência do vaporwave na MTV, no Tumblr e na moda
    POR Redação
    Vaporwave-arte-estetica-MTV-Tumblr-destacao

    Estética vaporwave é adotada por MTV e Tumblr ©Reprodução

    O vaporwave voltou a ser assunto no mês passado entre pessoas interessadas em arte e estética, depois que MTV e Tumblr adotaram elementos em suas identidades visuais.

    Primeiro, a MTV americana divulgou uma nova programação visual, que foi seguida também na MTV Brasil (clique aqui para ir para a página do MTV Bump, com direito a cursor pixelado e animais toscos, que foi ao ar no fim de junho e reúne vídeos dos internautas).

    Vaporwave-arte-estetica-MTV-Tumblr

    Site MTV Bump ©Reprodução

    Em seguida, o Tumblr lançou o Tumblr TV, um canal que reúne gifs animados, que por si só já têm esse apelo tosco. No caso do Tumblr TV, tem também a identidade do canal, que segue perfeitamente a estética da MTV dos anos 1990, com logos coloridos e fontes gorduchas.

    Vaporwave-arte-estetica-MTV-Tumblr-TV

    Página inicial do Tumblr TV ©Reprodução

    Muito parecido com o sea punk, o movimento vaporwave, que existe na música e nas artes, surgiu no início dos anos 2010. Consiste em colagens, sobreposições de elementos nostálgicos (clip art, esculturas renascentistas, webdesign dos anos 1990 etc.), mas também de símbolos do capitalismo, em geral usados de forma irônica. O movimento artístico provavelmente nasceu de uma crítica, ou de uma dissimulação da sociedade de consumo. Por isso, pode ser “lido” como um olhar crítico, irônico e dissimulado do consumismo, da hiperconectividade, da cultura corporativa e de outras características dos tempos atuais.

    Na moda, a influência do vaporwave pode ser vista, por exemplo, no uso de símbolos do McDonald’s, da Barbie e de cartões de crédito, como tem feito a Moschino sob o comando de Jeremy Scott — suas criações não podem ser consideradas como estética vaporwave, mas certamente o olhar cínico e irônico da grife e do movimento têm muito em comum. Essa influência também pode ser percebida nas roupas estampadas com Emojis e outros símbolos representativos do mundo online.

    A Motherboard, da Vice, publicou uma matéria no dia 29 de junho intitulada “Como o Tumblr e a MTV mataram o vaporwave”. Apesar do título, a matéria aponta que a MTV teria ultrapassado os limites ao assimilar o “impulso cínico” do vaporwave e, desta forma, estaria acabando com ele. “Todas as fronteiras sagradas do gênero foram quebradas. É nesse lugar que o impulso cínico que inspirou o vaporwave é ao mesmo tempo assimilado e apagado — onde sua fonte de inspiração nasce e vive. Tudo isso inspira outra grande questão: será que esse é o fim do vaporwave?”

    A questão é interessante. O vaporwave nunca chegou a ser amplamente difundido, diferentemente do que aconteceu com outros movimentos como a Op Art, o Art Déco e a Pop Art. Somando o revival dos anos 1990, muito forte na moda, será que o fato de a MTV e o Tumblr estarem adotando essa estética, mesmo que quebrando a barreira da crítica que ela traz, não vai torna-la mais conhecida? Só o tempo dirá.

     

    Não deixe de ver
    Por dentro da exposição do Met 2024
    Zendaya e seu segundo look para o Met Gala 2024
    Anna Wintour usa Loewe para o Met Gala 2024
    Pabllo Vittar em collab com a Pornograffiti, os novos modelos da Rolex, a bebida especial da Melissa e muito mais
    Por trás do figurino de ‘A Loja de Atrocidades’
    Coletivo da Amazônia pinta mural no principal Pavilhão da Bienal de Veneza
    Gisele Bündchen no Rio para o lançamento de seu segundo livro, a nova diretora criativa da Bulgari, o brasileiro vencedor de prêmio da Chanel e muito mais
    Gabriel Massan: o artista brasileiro que saiu da Baixada Fluminense para os palcos de Madonna
    Musical ‘A Loja de Atrocidades’ reúne Som, aromas, visuais e performances
    Maxwell Alexandre assina colaboração com a estilista Angela Brito
    FFW