FFW
newsletter
RECEBA NOSSO CONTEÚDO DIRETO NO SEU EMAIL

    Não, obrigado
    Aceitando você concorda com os termos de uso e nossa política de privacidade

    FFW Sounds: Jup do Bairro

    A ativista e artista multifacetada apresenta seu segundo EP “in.corpo.ração”

    FFW Sounds: Jup do Bairro

    A ativista e artista multifacetada apresenta seu segundo EP “in.corpo.ração”

    POR Guilherme Rocha

    Jup do Bairro lançou hoje seu novo EP, *in.corpo.ração*, produzido em parceria com o duo CyberKills. O trabalho é uma continuação reflexiva do EP de estreia de Jup, *CORPO SEM JUÍZO* (2020). Este novo trabalho explora subgêneros da música eletrônica brasileira, como techno, house e funk, com rap como base, e é descrito por Jup como um “baile punk de favela”. Suas influências incluem Deize Tigrona, Tati Quebra-Barraco, Leci Brandão, Alcione e Elza Soares. O EP reflete uma investigação sobre as possibilidades do corpo e da identidade, inspirada pelas ideias do filósofo Spinoza, e combina elementos melancólicos e dançantes, criando uma experiência sonora única e provocativa.

    Hoje, o FFW te conta por que Jup do Bairro deve estar na sua playlist.

    Quem é Jup do Bairro?

    Jup do Bairro é uma artista multifacetada brasileira que se destaca como cantora, compositora, atriz e apresentadora. Nascida na periferia de São Paulo, ganhou notoriedade com seu EP solo “Corpo Sem Juízo” (2020), que aborda temas de identidade, gênero e raça com uma mistura de rap e punk. Colaborou anteriormente com Linn da Quebrada no projeto “Pajubá”. Além da música, Jup atua em produções teatrais e audiovisuais, e co-apresenta o talk show “TransMissão”, focado em questões de gênero e sexualidade. Ativista pelos direitos LGBTQIA+, sua arte desafia normas e promove a inclusão, destacando a representatividade trans e periférica na cultura brasileira.

    Uma música para começar:

    ‘‘All You Need Is Love” lançado em 2020 é o primeiro single solo de Jup e é a faixa ideal para quem deseja conhecer um pouco do universo da artista. A música conta com as colaborações de Rico Dalasam e Linn da Quebrada, resultando em  uma   combinação de rap com uma batida envolvente de funk que passam uma mensagem forte sobre amor e resistência. A faixa faz parte do EP “Corpo Sem Juízo”, que aborda temas como identidade, gênero e raça.

     

     

    Álbum para conhecer:

    Hoje, 7 de junho, Jup lança o EP “in.corpo.ração” via Natura Musical. Com produção de CyberKills, o projeto conta com participações de Edgar e Mateus Fazeno Rock, apresentando uma narrativa que dá continuação ao seu último projeto: “CORPO SEM JUÍZO” (2020). Com cinco faixas, o EP mistura subgêneros da música eletrônica brasileira e rap, abordando temas de identidade, resistência e introspecção. A faixa “mulher do fim do mundo” homenageia Elza Soares, destacando a versatilidade de Jup em reinterpretar clássicos. O lançamento será celebrado com um show na Casa Natura Musical em São Paulo no dia 28/06 com participação da cantora Urias e do DJ Mu540.

     

     

    Estilo e estética:

    O estilo de Jup é uma extensão de sua personalidade multifacetada e de suas raízes periféricas, mesclando elementos de diversas subculturas e estilos. Sua estética mescla influências urbanas e periféricas com inspirações punk e alternativas, utilizando peças oversized, couro, correntes e maquiagem marcante. Jup também desafia normas de gênero, optando por uma moda inclusiva e sem gênero com cores vibrantes e estampas ousadas. Além disso, ela também incorpora elementos culturais afro-brasileiros e periféricos, dentre eles: tecidos estampados e acessórios artesanais. Vale destacar que a artista frequentemente colabora com designers locais para promover a moda independente, tornando-se uma figura de resistência e inclusão na cultura pop brasileira.

     

    Não deixe de ver
    FFW Sounds: Normani
    FFW Sounds: Jup do Bairro
    Pabllo Vittar fala sobre processo criativo, sua coleção com adidas e amizade com Madonna
    FFW Sounds: Melly
    Tudo sobre o musical Emilia Perez com Selena Gomez
    Rosalía como nova embaixadora da Dior, as datas dos desfiles Cruise, a coleção entre Alexandre Herchcovitch e Aramis e muito mais
    FFW Sounds: MC Caverinha
    Taylor Swift veste Vivienne Westwood e Roberto Cavalli no The Eras Tour
    FFW Sounds: Paris Texas
    FKA Twigs cria clone digital para interagir em suas redes e se diz preocupada com a Inteligência Artificial
    FFW