Estilista Lucas Leão e BRIFW se unem em exposição digital e imersiva

Exposição será a primeira de moda digital da América Latina em metaverso

Imagens: Zebra 3D Fashion Studio
Imagens: Zebra 3D Fashion Studio

O BRIFW (Brasil Immersive Fashion Week)  anunciou sua mais nova investida: uma exposição virtual colaborativa com estilista Lucas Leão. Chamada de ÍON – O Processo Criativo do Estilista Lucas Leão, a exposição será a primeira de moda da América Latina em metaverso e com uso de tecnologias imersivas. A ideia é nos transportar para o uni-metaverso criativo do artista e estilista carioca, um dos talentos nacionais que tem mergulhado de cabeça nas possibilidades do universo digital. O evento acontece de 17 de junho à 17 de julho, com o início da vendas dos ingressos limitados a partir de quarta-feira, 12.05 com ingressos que variam de R$28 a 250. 

Criada em metaverso, a exposição toma lugar em um ambiente completamente imersivo, criado pelo designer Vitor Milagres na plataforma do Mozilla Hubs, em que o usuário poderá andar e navegar por todo o metaverso. Dentro desse universo, serão criados quatro oásis, cada um com uma das coleções apresentadas por Lucas Leão na SPFW.

“A criação da exposição nos faz refletir sobre uma série de questões fundamentais para compreensão do mundo em que vivemos. A expansão do mundo físico para novas possibilidades digitais e a valorização do design autoral brasileiro são assuntos que precisamos discutir, e são perfeitamente representados em íon” conta o designer Lucas Leão.

Estarão expostos avatares em 3D das coleções, vídeos e talks sobre a criação da exposição, moodboards e murais de referência, vídeos dos artistas digitais que colaboraram no desenvolvimento das coleções e também um espaço que possibilitará que os usuários experimentem suas roupas através de Realidade Aumentada. Além disso, na plataforma Nowhere, um segundo metaverso, desenvolvido por Ana Constantino, serão realizados quatro encontros dos artistas contando sobre a construção desse projeto e dos processos digitais.

Essa será a primeira exposição, mas o projeto tem planejado outras fases, com novas marcas e artistas até outubro quando acontece a próxima edição do BRIFW. “Tem uma proposta pedagógica e educacional, não é apenas uma exposição pensada para o entretenimento, mas sim para as pessoas começarem a entender e experimentar o que é o metaverso, quais tecnologias elas podem levar para casa delas, onde elas conseguem interagir com quem está criando esses espaços e saber como tudo isso é feito” nos conta Olivia Merquior, co-fundadora do BRIFW.

Vitor Milagres, diretor de arte, designer e também o responsável pela criação e desenvolvimento do metaverso em questão, destaca a importância do trabalho em conjunto para o projeto: “Eu acredito muito na coletividade como o futuro, um apontamento para uma direção oposta ao individualismo que os processos digitais tendem a fomentar. Esse foi um dos motivos pelo qual optei usar a plataforma Mozilla Hubs quando fui convidado pra produzir um mundo imersivo junto ao BRIFW e ao Lucas Leão. O Hubs é um projeto de fonte aberta, super coletivo, com vários grupos de apoio dispostos a construir juntes um software cada vez melhor.”

Henrique Soares, diretor de arte e designer, responsável pela parte gráfica do projeto, aponta: “Tenho grande interesse no motion, 3D e design, e sempre busco criar projetos gráficos com visuais expressivos. É muito empolgante construir a identidade visual de um projeto que busca explorar e expandir comportamentos e perspectivas criativas dento do universo da moda ao lado de tantas pessoas talentosas e curiosas.”

Já Andressa e Guilherme, fundadores do Zebra Estúdio, serão os responsáveis pelo desenvolvimento dos avatares e as roupas digitais. “Como fundadores do Zebra, acreditamos que o processo convencional de produção e criação de conceitos já não atende mais a realidade de um mundo conectado. Acreditamos também que a criação digital é um passo natural na evolução da indústria, abrindo milhares de possibilidades e portas para marcas, estilistas e consumidores”. Sobre a exposição eles contam “estamos trabalhando no desenvolvimento das peças do estilista Lucas Leão em formato digital, por meio da construção das mesmas em softwares de modelagem, costura e texturização 3D”.

Os ingressos estão disponíveis pelo link.

Imagens: Zebra 3D Fashion Studio
roupa digital de lucas leão construida pelo Zebra 3D Fashion Studio

Ficha Técnica da exposição:

Realização: BRIFW
Construção e Desenvolvimento do Metaverso da Exposição: Vitor Milagres
Desenvolvimento do Metaverso dos Talks: Nowhere, Jon Morris (CEO), Ana Constantino (COO) e Maxx Berkowitz (Chief Creative Officer / Design Director)
Avatares e Roupas Digitais: Zebra Fashion Studio
Artista Digital e Design Gráfico: Henrique Soares
Empresas apoiadoras: Werner e Dell Anno

O FFW é apoiador oficial da exposição digital O Processo Criativo de Lucas Leão.

Relacionadas


Veja Também

Assine a newsletter do FFW

Seja o primeiro a ter acesso a conteúdos exclusivos. Nós chegaremos ao seu email semanalmente quando tivermos algo realmente cool e relevante para dividir.

×