18.10.2019 / Moda / por

Free Free celebra a mulher em apresentação emocionante

Por Rodolfo Vieira

A plataforma multidisciplinar Free Free, comandada pela diretora criativa e stylist Yasmine Sterea, alçou voos ainda maiores na direção de um futuro feminino plural ao enxergar na moda o instrumento essencial de liberdade e autoconhecimento inerente às mulheres. A poucas horas do encerramento do SPFW N48, a estreia do projeto se manteve como um dos grandes destaques do dia pelo seu desfile-manifesto, composto pelo casting potente de mulheres, celebradas com performance do coletivo Ilú Obá de Min.

Entoado por canções em sintonia com a proposta de celebração feminina do Free Free, como a de Erasmo Carlos, Karol Conka, Beyoncé e Juliana Strassacapa, da banda Francisco, el Hombre, o desfile contou com casting diverso que vestiu looks doados por acervos de marcas como Paula Raia, Reinaldo Lourenço, Neriage, Aluf, Lilly Sarti, Osklen, Cris Barros, Isolda, Adriana Degreas, Ju Jabour, Handred e muitas outras, ressignificados pelas mãos de artesãs participantes da rede de 10 comunidades apoiadas pelo Instituto FREE FREE.

Parte do casting Free Free | Foto: Marcelo Soubhia /FOTOSITE
Parte do casting Free Free | Foto: Marcelo Soubhia /FOTOSITE

O resultado é colorido, plural, alegre e forte. “É mais que um desfile. É um símbolo da transformação da moda, para onde eu acho que caminhamos como indústria em relação a repensar processos”, conta Yasmine ao FFW. “É um manifesto sobre moda, liberdade e pluralidade da beleza feminina”. 

Estreante na passarela desta edição, Yasmine diz que “desfilar nunca esteve nas expectativas da plataforma”, mas defende a importância da iniciativa como representação de um importante passo para a união do mercado de moda. Após o desfile, o público presente no Pavilhão pôde ver de perto a apresentação do coletivo Ilú Oba de Min ao passo que as mulheres chamavam todos a participarem do ato. 

Coletivo Ilú Obá de Min no SPFW N 48 | Foto: Gabriel Cappelletti/FOTOSITE
Coletivo Ilú Obá de Min no SPFW N48 | Foto: Gabriel Cappelletti/FOTOSITE

Yasmine aproveitou para comentar sustentabilidade, um dos nortes do FREE FREE: “Ser 100% sustentável é um desafio, mas tudo tem seu tempo. Conscientizar os estilistas sobre as suas peças sem uso no acervo, por exemplo, já é um primeiro passo”, e finaliza: “Você não precisa sempre fazer algo em upcycling ou sempre com tecido 100% sustentável, pois isso não é uma realidade ainda, mas existem muitas formas para dar o primeiro passo e isso é super viável.”


Relacionadas


Veja Também

Assine a newsletter do FFW

Seja o primeiro a ter acesso a conteúdos exclusivos. Nós chegaremos ao seu email semanalmente quando tivermos algo realmente cool e relevante para dividir.

×